publicado dia 22/08/2016

9 apresentações que discutem Educação Integral, Ensino Médio e Equidade

por

A capital paulista recebeu cerca de 150 gestores, educadores e trabalhadores ligados à educação para discutir como a gestão escolar pode promover o desenvolvimento integral dos estudantes no Ensino Médio. O Seminário Internacional Educação Integral e Ensino Médio: Desafios e Perspectivas na garantia da Equidade, que aconteceu nos dias 2 e 3 de Agosto de 2016, foi organizado pelo Centro de Referências em Educação Integral, programa da Associação Cidade Escola Aprendiz e outras 12 organizações não-governamentais, em parceria com o Instituto Unibanco. Na ocasião, foi lançado o estudo Políticas públicas e gestão escolar para a equidade: desenvolvimento integral no Ensino Médio.

Entre as atividades, o evento reuniu painéis e conferências coordenados por educadores e gestores brasileiros que têm buscado caminhos para enfrentar as desigualdades e promover o pleno desenvolvimento dos estudantes no Ensino Médio. Suas apresentações estão disponíveis para download.

1. “O papel da educação na superação das desigualdades”

Em sua apresentação o ex-ministro e diretor do Programa para a Melhoria do Ensino da Universidade Nacional de San Martín, na Argentina, discutiu os desafios para pensar a equidade no Ensino Médio, ressaltando a importância da atenção às culturas juvenis e reformulação do currículo escolar associadas à obrigatoriedade da etapa.

2. Apresentação Juventudes e Equidade: O que aprender com a correria?

Macaé Evaristo, secretária estadual de Minas Gerais, apresenta a discussão do acesso, permanência e envolvimento da juventude na escola, problematizando a diversidade como elemento-chave para atuação escolar.

3. Apresentação sobre o tema da Inclusão no debate de Equidade e Ensino Médio

A partir da discussão de inclusão de estudantes com deficiência, Rodrigo Mendes, presidente do Instituto que leva seu nome, debate a necessidade da interlocução da temática às diferentes agendas para a juventude, evidenciando o papel da gestão escolar como estruturante dessa discussão.

4. Apresentação das Classes de Apoio do Colégio Sarmiento

A professora Verônica Fulco, do Colégio Sarmiento, localizado na Villa 31, uma das maiores comunidades populares em Buenos Aires, na Argentina, explica como a escola se tornou um agente promotor dos direitos humanos na comunidade, salvaguardando e promovendo o direito à educação dos estudantes.

5. Apresentação da Escola CEF 01 de Planaltina, no Distrito Federal

A equipe gestora do Centro de Ensino Fundamental 01, de Planaltina, no Distrito Federal, discute como, em diálogo com a comunidade escolar, elas vêm operando para fortalecer as identidades de seus estudantes, salvaguardando seus direitos e multidimensionalidade.

6. Apresentação da Escola Estadual de Educação Profissional Júlio França, do Ceará

A gestora da escola de Bela Cruz, no Ceará, apresenta a experiência da interlocução do mundo do trabalho no processo educativo e currículo, dialogando com as demandas e identidades das diversas juventudes do território em que se insere.

7. Apresentação do Instituto Corresponsabilidade pela Educação (ICE) sobre escolas de tempo integral

Marcos Magalhães apresenta o desenho e os resultados do programa de tempo integral da organização, implementado, além de outros municípios, nos estados do Pernambuco, Ceará, São Paulo, Espírito Santo e Goiás.

8. Apresentação sobre o Programa de Educação Integral do Estado da Bahia

Rowenna Brito, coordenadora de Educação Integral da Secretaria de Educação do Estado da Bahia explica o Programa  de Educação Integral (ProEI), suas conquistas e desafios, correlacionando-os com o papel da gestão escolar no enfrentamento às desigualdades.

9. Apresentação resumida do Estudo Ensino Médio, Equidade e Educação Integral

Apresentação do Centro de Referências sobre os conceitos-chave e estrutura de pesquisa que embasaram as discussões do estudo Políticas públicas e gestão escolar para a equidade: desenvolvimento integral no Ensino Médio.

Além destes especialistas, também foram apresentadas a experiência do Cieja Campo Limpo, a pesquisa “Educação e Equidade”, conduzida pelo Centro de Estudos, Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária sobre o impacto no enfrentamento às desigualdades dos programas de educação em tempo integral no Ensino Médio.

O seminário contou ainda com discussões de jovens estudantes do Ensino Médio, com o relato de experiência da Virada Educação em Minas Gerais, e sobre discussões e tendências contemporâneas sobre o movimento de escolarização no globo. Neste tema, a diretora da Fundação SM, Maria do Pilar Lacerda, apresentou vídeo do  documentarista norte-americano Michael Moore sobre a experiência da Finlândia na articulação de uma escola que responda às demandas sociais dos seus jovens e territórios.

 

Equidade e Educação Integral no Ensino Médio