publicado dia 04/11/2014

Seminário Wise: especialistas se reúnem para discutir os desafios globais da educação

por

Com a colaboração de Natacha Costa e informações do Portal Aprendiz

Mais de 1500 especialistas e lideranças mundiais em educação estão reunidas em Doha, no Qatar, para o Seminário Internacional da World Innovation Summit for Education (Wise). O evento que teve início hoje (4/11) discutirá em variados paineis e palestras o tema “Imagine, Crie e Aprenda: a criatividade no centro da educação”.

As discussões se darão a partir de três perguntas-chave: como nós podemos incentivar a criatividade em todas as idades, especialmente entre os mais jovens? Como nós podemos estabelecer ambientes com pedagogias que engajem nos quais o aprendizado criativo e a inovação em ensinar possam se desenvolver? Como podemos medir, acessar e e certificar talentos e habilidades tanto em sistemas formais quanto informais?

Para tanto, neste ano, os especialistas, chamados de delegados Wise, poderão se reunir em grupos de trabalho, compartilhando práticas e ideias capazes de serem disseminadas ao redor do globo e encorajando a conexão entre diferentes frentes e setores em uma perspectiva colaborativa para vencer os grandes desafios postos no cenário mundial para a educação.

Premiação

Após escolher os 15 finalistas em março deste ano, a fundação WISE definiu as seis iniciativas educacionais vencedoras do WISE Awards 2014.

Desde 2009, mais de 30 projetos foram contemplados, especialmente de países em desenvolvimento. A premiação privilegia ações da sociedade civil que busquem maneiras inovadoras de tratar questões como acesso e qualidade da educação, trabalho e criatividade.

Neste ano, foram eleitas as iniciativas “Educação Alternativa para o Desenvolvimento Rural”, uma cooperação entre Espanha e Peru; e “Eu e Minha Cidade”, na Finlândia, que colaboram para a formação técnica de jovens, ajudando-os, através de exemplos da vida real, a encontrarem seu futuro profissional.

Na Jordânia, um projeto barato e eficaz, o “Nós amamos ler”, que empodera mulheres e crianças através da leitura foi contemplado, assim como o “Educar Meninas”, da Índia, que discute a questão da desigualdade de gênero nas escolas.

Na Austrália, o “Quarto da Canção”, um projeto que usa a música para melhorar o aprendizado de crianças em situação de vulnerabilidade social foi escolhido, assim como o “Crianças de rua: reintegração pela educação”, do Egito, que reconecta crianças em situação de rua com seus pais e o sistema escolar.

Acesse o site da WISE para saber mais.

Prêmio Wise Awards dá visibilidade a práticas educacionais inovadoras