publicado dia 13/09/2019

Como criar meninas para o futuro

por

“Temos que prepará-las para uma verdadeira revolução”, afirma Vanessa Rozan, ao lado de Facundo Guerra, no palco do TEDx São Paulo. Eles são mãe e pai de Pina, e compartilharam suas experiências criando uma menina e batalhando para promover a igualdade de gênero.

Leia + Como a desigualdade de gênero se manifesta na educação das meninas

“Precisamos de novos contos, personagens e inspirações. Para meninas, mas também para meninos”, diz Vanessa. Na criação de sua filha, ela conta que busca livros com outras narrativas, que retratem mulheres fortes e independentes, e que está sempre atenta aos elogios e às conversas sobre padrões de beleza.

O pai, por sua vez, lembra que não se trata de uma receita, mas de caminhos possíveis para criar meninas para o futuro, levando em consideração também a dura realidade das múltiplas violências a que estão sujeitas todas as meninas e mulheres.

“A gente tem que criar mulheres que consigam se defender da sociedade patriarcal e da violência sistematizada. E também precisamos construir novos meninos, porque um abusador e um machista também é construído em casa. Precisamos construir meninas que se defendam e meninos que nunca mais ataquem”, afirma Facundo.

Confira o TEDx Talks Como criar meninas para o futuro:

Será que é meu lugar? Como incentivar meninas na Matemática