publicado dia 23/10/2020

Nova plataforma vai promover busca e compartilhamento de boas práticas educativas em cidadania digital entre educadores

De 14/09/2020 até 04/11/2020

TAGS:
WhatsappG+TwitterFacebookCurtir

Pensando em contribuir com a promoção da cidadania no contexto digital por meio de boas práticas educativas, o Instituto Educadigital, em parceria com o Nic.Br e a Unesco, lançou a plataforma Pilares do Futuro.

Leia + Seed Lab: semeando educação em novas tecnologias para escolas públicas

O nome Pilares do Futuro remete aos 4 pilares da educação lançados pela UNESCO no final da década de 90, mas que permanecem altamente pertinentes e desafiantes na sociedade atual. Bastante conhecidos e referenciados pela comunidade educacional, são eles:  aprender a aprender, aprender a fazer, aprender a conviver e aprender a ser. Foram esses pilares que inspiraram as competências gerais da BNCC.

Falar em “pilar” também tem a ver com base, alicerce, tudo aquilo que desejamos para uma educação de qualidade. A Pilares do Futuro foi construída com apoio financeiro do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br), entidade ligada ao Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), que entre outras atividades, produz há anos diversos materiais sobre cidadania digital, além de realizar cursos para educadores. “A cada ano que passa, fica ainda mais desafiante para os professores trabalhar essa temática em sala de aula, existem muitos materiais, mas ainda não tínhamos referências de práticas concretas”, explica a educadora Rosa Lamana, uma das idealizadoras da iniciativa.

Segundo a pesquisa TIC Educação 2019 do CGI.br, 57% dos professores de escolas públicas e 75% de escolas privadas gostariam de encontrar mais orientações sobre como trabalhar com os alunos questões relacionadas ao uso seguro, consciente e responsável da internet.  É o terceiro tema de maior interesse dos docentes, além de “uso de tecnologias em sua própria disciplina de atuação” e “uso de tecnologias em novas práticas de ensino”. Entre os respondentes da pesquisa, 39% afirmam já ter apoiado algum aluno a enfrentar situações incômodas na internet, como, por exemplo, bullying, discriminação, assédio, disseminação de imagens sem consentimento, entre outras.

A Pilares do Futuro também já nasce com uma parceria da UNESCO Representação Brasil, da Cátedra UNESCO em EaD que fica na Universidade de Brasília e com fomento do Instituto Unibanco. Novos apoiadores são esperados a partir do lançamento.

Anualmente, no início de fevereiro, uma intensa mobilização global, envolvendo mais de 140 países, vem chamar a atenção para o Dia Mundial da Internet Segura, mas a intenção é que a mobilização não se restrinja a um único dia nem a uma semana, mas sim esteja presente durante o ano todo, nas escolas, instituições e famílias.

Com a chamada para o envio de práticas aberta até o dia 04 de Novembro, a plataforma Pilares do Futuro visa, portanto, ser uma fonte de referências e boas práticas para apoiar professores e professoras de todo o Brasil a promover processos de aprendizagem que dialoguem com esse mundo cada vez mais mediado pela tecnologia, formando cidadãos conscientes do seu papel na disseminação e promoção do uso responsável dos recursos digitais.

Serviço

O que é: plataforma gratuita e em licença aberta criada para publicar e compartilhar práticas, roteiros, propostas de como trabalhar pedagogicamente temas de cidadania digital permeando o currículo, tais como: cyberbulling, proteção de dados, direito autoral, saúde emocional e física na internet, inteligência artificial, fake news, democracia, liberdade de expressão, superexposição de imagens, dentre outros assuntos.

Como funciona: a plataforma terá chamadas periódicas para receber propostas e registros de práticas sobre cidadania digital. Um comitê curador, também formado periodicamente por educadores e especialistas, analisa os materiais, pede ajustes se necessário, e encaminha para publicação.  Esse ano a chamada está aberta até o dia 04 de Novembro. Para enviar a sua prática, basta acessar a plataforma.

O quê

Pilares do Futuro

Quando

De 14/09/2020 até 04/11/2020

Conheça 6 youtubers que dão verdadeiras aulas na internet