publicado dia 24/08/2018

Eleições 2018: Unicef elenca principais desafios para garantir direitos de crianças e jovens

por

Com o objetivo de incidir sobre os debates eleitorais e colocar a infância e a adolescência no centro da agenda política, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) lançou a campanha Mais Que Promessas  Compromissos reais com a infância e adolescência no Brasil.

Leia + As propostas para a Educação do plano de governo de 5 partidos

O documento reúne os seis principais desafios atuais para garantir os direitos de crianças e jovens, em especial os mais vulneráveis, detalhando os cenários de exclusão e desigualdade pelo País, bem como os possíveis caminhos para reduzir as privações que afetam tantas crianças no Brasil.

Mais do que inserir o tema nos debates, a proposta é engajar a classe política em um pacto pela efetiva realização de investimento, políticas públicas e tomada de ações.

“O Unicef convoca as candidatas e os candidatos a um compromisso público com a garantia dos direitos de cada criança e adolescente”, afirmou em nota Florence Bauer, representante do Unicef no Brasil.

Por meio da plataforma Mais que Promessas também é possível enviar demandas e perguntas aos candidatos à presidência e ao governo dos estados sobre as propostas elaboradas para o enfrentamento destas questões.

Confira os seis desafios elencados pelo Unicef:

1. Superação da pobreza, em suas múltiplas dimensões
2. Redução da violência contra crianças e adolescentes
3. Promoção de uma educação de qualidade para todas e todos
4. Garantia da saúde e do direito à vida a todas as crianças
5. Oferta de uma alimentação saudável para cada menina e menino
6. Efetivação do direito à participação de crianças e adolescentes

Direitos humanos e educação: uma relação indissociável