publicado dia 10/03/2021

Pedagogiras: um curso para pensar práticas pedagógicas a partir de saberes de terreiros

De 15/03/2021 até 30/06/2021

TAGS:
WhatsappG+TwitterFacebookCurtir

O curso Pedagogiras: epistemologias de terreiro nos caminhos de implementação da Lei 10.639/03, que está com as inscrições abertas até 12 de março, acontecerá digitalmente entre os meses de março e junho, todas as segundas-feiras e quarta-feiras das 14h às 16h.

Leia + Guia apresenta metodologia para educação integral no território

Coordenadas pelo Babalorixá e Profº Dr. Linconly Jesus, as aulas olharão para saberes e epistemologias afro-brasileiras oriundas de religiões de matrizes africana, para pensar em novas estratégias educativas para espaços formais e não formais de educação.

Seus módulos são: racismo estrutural, religioso e o epistemicídio; cosmobiointeração nos terreiros; saberes ancestrais e o ensino de ciências da natureza; e práticas pedagógicas circulares.

Estarão disponíveis vagas para povos de terreiros, professores da rede básica de educação, integrantes de movimentos sociais e pessoas ligado à Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-brasileira (UNILAB), instituições responsável pelo curso de extensão onde a prática se originou.

Para além de disseminar teorias e práticas sobre pedagogias de terreiros, o curso também tem como objetivo fortalecer a agenda antirracista e combater o preconceito religioso que atinge os territórios de religião de matriz africana no Brasil. Segundo a revista Gênero e Número, só em 2019, 59% dos casos de violência e discriminação religiosa foram contra essas religiões.

Acesso o formulário de inscrição.

*Publicado originalmente por Cecília Garcia no site Educação e Território

O quê

Pedagogiras: Epistemologias de terreiro no caminho da implementação da LEI 10.639/03

Quando

De 15/03/2021 às 14:00 até 30/06/2021 às 16:00

Com soluções criativas, jovens se mobilizam para ajudar seus territórios durante a pandemia