publicado dia 13/08/2021

Festival vai debater como garantir às crianças o direito de estar em meio à natureza

De 17/08/2021 até 19/08/2021

Parte importante do desenvolvimento integral das crianças envolve o direito de estar, brincar e aprender em meio à natureza. Defendê-la e preservá-la é também fundamental para a garantia da continuidade da vida e das infâncias ao redor do mundo. Para refletir sobre como promover esses direitos, o Instituto Alana e o Sesc organizaram o Festival Criança e Natureza 2021.

Leia + Jundiaí (SP) promove atividades ao ar livre para estudantes da rede

Ao longo dos dias 17 a 19 de agosto, os encontros vão debater como garantir que haja mais crianças na natureza e mais natureza para as crianças; como incorporar o acesso aos espaços de lazer ao ar livre como fator determinante de saúde na infância e adolescência; como articular escolas, territórios e natureza para desemparedar as crianças e como construir cidades mais verdes, amigáveis e brincantes.

Entre os convidados, está Taís Araújo, Bela Gil, Gaby Amarantos, Catarina Lorenzo (ativista climática parceira da Greta Thunberg) e Juliana Tozzi, a primeira montanhista cadeirante do Brasil.

O evento será inteiramente online, ao vivo e gratuito. Também conta com intérprete de Libras em todos os painéis e certificado de participação de 8 horas, disponibilizado ao final do evento. Para participar, basta inscrever-se por meio do site do Criança e Natureza.

O quê

Festival Criança e Natureza 2021

Quando

De 17/08/2021 às 10:00 até 19/08/2021 às 20:30

Mais informações

https://criancaenatureza.org.br/festival/

Como aproveitar os espaços abertos e a natureza para a aprendizagem