publicado dia 11/10/2017

Livro aborda experiências de educação integral na cidade de São Paulo

por

Práticas de educação integral em São Paulo e a complexidade do tema são assuntos do livro “Educação Integral no município de São Paulo: experiências e perspectivas“, de autoria de Elie Ghanem, professor de Sociologia da Faculdade de Educação na Universidade de São Paulo (FE-USP).

Leia + Livro discute políticas e desigualdades no Ensino Médio brasileiro

Dividido em seis capítulos, o livro apresenta um panorama conceitual e histórico do tema, levantando a complexidade do debate sobre os diferentes significados e agendas da educação integral.

O material também destaca como a modalidade é aplicada na cidade de São Paulo, dedicando-se especialmente às experiências realizadas pela prefeitura na Diretoria Regional de Educação do Butantã, de 2013 a 2015. O objetivo é inspirar e apoiar novas iniciativas em outros municípios e estados que seguem a perspectiva de renovação da educação.

O material destaca como a modalidade é aplicada em São Paulo, dedicando-se especialmente às experiências realizadas pela DRE Butantã, de 2013 a 2015

Além de Elie Ghanem, outros autores e especialistas contribuíram com a obra. Entres os nomes, Milton Alves Santos, graduado em pedagogia pela PUC/SP e militante de movimentos por educação pública e de qualidade, Paulo Rogério Neves, mestre em Educação pela FE-USP, e Fabiana Alves Jardim, professora na FE-USP e mestre e doutora em sociologia pela FFLCH-USP.

Experiência

De 2013 a 2015, a Diretoria Regional de Educação Butantã contou com o apoio da Faculdade de Educação da USP e da Associação Cidade Escola Aprendiz para elaborar uma proposta de educação integral para escolas públicas da região. O trabalho de diálogo com a população, a elaboração do projeto, a aplicação e as perspectivas futuras foram descritas no livro.

7 educadores brasileiros fundamentais para compreender a educação integral