publicado dia 20/09/2013

FEUSP homenageia Paulo Freire como professor emérito

por

TAGS:
WhatsappG+TwitterFacebookCurtir

O educador pernambucano, Paulo Freire, recebeu nesta quinta-feira (19/9), o título de professor emérito [título concedido a indivíduos que não necessariamente atuaram em determinada universidade ou tenham sido acadêmicos, mas que tenham se destacado na produção de conhecimento ou atuação social] da Faculdade de Educação da Universidade São Paulo (FEUSP).

A honraria foi atribuída no dia que seria a data de aniversário do professor (19/9), falecido em 1997, pela sua contribuição à educação brasileira. Para Sônia Kruppa, professora da FEUSP, a premiação reconhece a importância de Freire para a sociedade acadêmica. “A ousadia do seu pensamento continua nos iluminando”, disse.

A premiação não foi acordada pela USP como um todo e, portanto, o título permaneceu como da Faculdade de Educação. “Infelizmente, vejo uma postura muito conservadora da universidade que não lhe atribuiu esse tão necessário e importante reconhecimento.”

Freire recebeu outros 40 títulos de Doutor Honoris Causa em diferentes instituições nacionais e internacionais. Na última segunda-feira, (16/9), conforme a Lei 12.612/2012 assinada pela Presidência da República e publicada no Diário Oficial da União, o educador foi nomeado como Patrono da Educação Brasileira.

 

8 materiais para entender Paulo Freire