Os labirintos como elementos condutores do processo de aprendizagem

Publicado dia 22/04/2014

Iniciativa: Casa Labirinto: educação, arte e experiência lúdica

Pública ou Privada: Privada

Descrição:

Capaz de despertar variados sentidos, o labirinto pode ser utilizado também como importante elemento do processo educacional de crianças de várias faixas etárias. É o que mostra a Casa Labirinto que, desde 2011, elabora metodologias que utilizam estes instrumentos para mostrar como o lúdico pode trazer aprendizado e autonomia.

Crianças constroem labirinto/ Divulgação

Crianças participam de labirinto. Foto: Divulgação.

Presentes em jogos de tabuleiro, em peças tridimensionais ou construídos com argila, os labirintos oferecem à criança um verdadeiro momento educativo. Diferente de alguns outros modelos, os labirintos da organização só têm um caminho: o centro, dialogando com a ideia que a criança precisa se “autoconhecer” para iniciar seu processo de aprendizagem.

São os pequenos que escolhem a forma como irão utilizar os labirintos fazendo deles espaços de exploração e descobertas, tanto individuais quanto coletivas. É no ato de percorrer o enigmático trajeto que a criança se sente acolhida e adquire também a autoconfiança, característica que irá ajudá-la em outras atividades na vida escolar e em sociedade.

Aprendizado personalizado

Quem explora a Casa do Labirinto se depara com diversos símbolos que trazem a noção de confiança à criança. Todas elas têm livre acesso pelos espaços, fugindo da lógica de salas fechadas da escola tradicional, mesmo porque a instituição se configura como um local de acolhimento.

casalabirinto_folha

Desenho realizado pelas crianças. Foto: Divulgação.

Com regras mais flexíveis e número menor de participantes, o espaço consegue realizar um trabalho mais individualizado com as crianças, com educadores atentos às necessidades de cada menino ou menina.

As crianças que frequentam a Casa não têm horários ou uma programação fixa. São elas que escolhem aquilo que desejam fazer no dia e os horários são definidos pelos pais. Existem estudantes que só participam uma vez na semana e outros que frequentam o espaço diariamente. O intuito é diversificar os públicos e as possibilidades educativas e também promover a interação entre diversas faixas etárias.

Por mais que o labirinto seja a ferramenta diferencial da iniciativa, há outras atividades que colaboram para um aprendizado mais livre de padrões. Há ioga, teatro, musicalização infantil e espaços de lazer que envolvem também os pais, pensando em um espaço colaborativo da construção do saber.

Início e duração: as primeiras ações utilizando a metodologia do labirinto aconteceram em 2008, em escolas de educação básica de Curitiba e, a partir de 2011, foi criado o espaço Casa Labirinto, em funcionamento até os dias atuais.
Local: Curitiba (PR)
Responsáveis: Casa Labirinto
Envolvidos e parceiros: Fundação Cultural de Curitiba, Maternarum (Empreendedorismo Materno) e Mãezíssima. A casa também é parceira do “Salvemos o Bosque da Casa Gomm”, que procura resgatar um dos patrimônios históricos da cidade, a casa Gomm.
Financiamento: a iniciativa é privada e financiada a partir do pagamento das atividades.

casalabirinto_9

Criança constrói labirinto. Fonte: Divulgação

Principais Resultados:

Dentre os resultados, destaca-se o interesse das crianças. Para Fabiana Machado, pedagoga e uma das criadoras do projeto,  é possível notar que as atividades acabam por aproximar as crianças de algumas temáticas justamente por apostarem no lúdico como abordagem.

Outro ponto em evidência é a autonomia que cada uma delas adquire com o projeto, uma vez que têm a liberdade de escolher o que desejam aprender. Segundo a Casa do Labirinto, mães e pais comentam aos educadores que, com a entrada de seus filhos, foi possível verificar melhoras na socialização das crianças que antes tinham dificuldades de expressão. No projeto, elas passam a ter voz, já que o autoconhecimento, colaboração e organização são diretrizes do processo educacional.

Contato
Site: Labirintos Lúdicos
Facebook: Casa Labirinto
Telefone: (41) 3044-4370
Endereço: Rua Bruno Figueira, 952 – Batel, Curitiba-PR

Por que o ambiente escolar é influenciado pela desigualdade nos territórios